unionhealth_whatsapp_cinza.png

O que é Periodontia ?

A higiene bucal feita erroneamente promove o acúmulo de bactérias na superfície dos dentes formando a placa bacteriana, o que leva à inflamação gengival (gengivite), que se não for tratada pode progredir para a periodotite. Isso pode danificar as estruturas que suportam o dente e em estágios mais avançados pode causar a perda do mesmo. O sinal clínico mais comum da periodontite é o sangramento gengival e quanto antes for diagnosticada, menores serão suas sequelas.

 

Periodontite e Diabetes

No Diabético a doença periodontal é mais severa que no individuo saudável. As infecções crônicas, como a periodontite, podem promover no diabético o aumento significativo da glicemia, mesmo frente a acompanhamento endocrinológico e nutricional adequados. Por outro lado o tratamento dessas infecções promove a estabilização da glicemia nesses indivíduos.

Periodontite e doenças cardiovasculares

Estudos mostram que a infecção bacteriana relacionada com a periodontite gera o aumento da liberação de mediadores inflamatórios, o que pode aumentar o risco de infarto do miocardio, além de favorecer a endocardite infecciosa em individuos de risco, já que promove a entrada de bactérias no sangue diariamente, atravez do sangramento gengival. A doença periodontal também foi apontada como indicador de risco para o aumento do LDL (colesterol ruim).Além disso, foram observadas bactérias comumente encontradas na Periodontite em ateromas (placas de gordura e tecido fibroso que se formam nas paredes dos vasos sanguíneos). O tratamento periodontal pode reduzir os riscos às doenças cardiovasculares.

Periodontite e Maternidade

A periodontite promove o aumento de mediadores inflamatórios e citocinas na corrente sanguínea que pode induzir eventos como contração uterina. Por ser uma infecção, em gestantes pode indicar o risco de parto prematuro e nascimento de crianças com baixo peso, podendo também estar associada a pré-eclampsia

Union Health Group © 2019